Skip to content

Nostalgia

15 de abril de 2011

Acordei hoje com uma nostalgia, e isso resultou num post pra compartilhar com vocês.

Lembrei dos brinquedos e brincadeiras de criança (e olha que pra mim nem faz tanto tempo) que me divertiam, e que hoje as crianças nem conhecem. O computador e o video game são mais legais hoje, seilá eu porque – já tive meus momentos video game, mas nunca foram melhores que os da rua – a segurança, ou as mães seilá, obrigam as crianças a ficarem enfurnadas dentro de casa ( mesmo assim eu me divertia).

Quando criança eu era um menino (não, não sou transexual uhauha). Só fazia coisas de menino, não gostava de boneca e usava roupa de primos que passavam pra mim quando não usavam mais. Talvez era assim porque na família na minha idade só tinham meninos, e era com eles que eu brincava.

Quem não lembra dos ioios ? E dos com marca de refrigerante, e aqueles até com luzinha!?  Alguém ai ainda sabe fazer aquele tal de cachorrinho!? Haha

Ioiô

Quem não lembra dos ioios ? E dos com marca de refrigerante, e aqueles até com luzinha!?

Alguém ai ainda sabe fazer aquele tal de cachorrinho!? Haha

Esse cachimbinho eu não se todo mundo já teve. Alguns vinham com o algodão doce, mas dava pra comprar na venda também. Eu ficava horas soprando e me babando toda só pra não deixar a bolinha (que te deixava vesga de tanto olhar) cair.

Cachimbinho

Esse cachimbinho eu não se todo mundo já teve. Alguns vinham com o algodão doce, mas dava pra comprar na venda também. Eu ficava horas soprando e me babando toda só pra não deixar a bolinha (que te deixava vesga de tanto olhar) cair.

Esse eu vou confessar que tenho até hoje, e ainda uso haha. O meu é  lilás e eu sempre mando ele pra cima do telhado, depois passo trabalho pra tirar. Confesso também que demorei um tempo até a aprender a fazer o pirocóptero voar, ô coisinha difícil.

Pirocóptero

Esse eu vou confessar que tenho até hoje, e ainda uso haha. O meu é  lilás e eu sempre mando ele pra cima do telhado, depois passo trabalho pra tirar. Confesso também que demorei um tempo até a aprender a fazer o pirocóptero voar, ô coisinha difícil.

Pião sempre foi uma das coisas mais de menino, mas eu sempre fui boa. Não tanto quando o meu avô que até hoje consegue fazer o bixinho girar em cima da unha, vê se pode!? Mas colocar ele em cima da cabeça eu consigo haha.

Pião

Pião sempre foi uma das coisas mais de menino, mas eu sempre fui boa. Não tanto quanto o meu avô, que até hoje consegue fazer o bixinho girar em cima da unha, vê se pode!? Mas colocar ele em cima da cabeça eu consigo haha.

Esses tazos fizeram tanto sucesso uma época né?! Com certeza as crianças de hoje jogariam fora. A maioria vinha em salgadinhos e eu corria pra vendinha da rua sempre que surgia uma moeda (sim uma moeda comprava salgadinho). Alguns tinham uns encaixes que dava pra jogar bem longe, ou montar alguma coisa. Quem nunca teve uns tazos do Máscara, dos Animaniacs ou dos Looney Tunes!?

Tazo

Esses tazos fizeram tanto sucesso uma época né?! Com certeza as crianças de hoje jogariam fora. A maioria vinha em salgadinhos e eu corria pra vendinha da rua sempre que surgia uma moeda (sim uma moeda comprava salgadinho). Alguns tinham uns encaixes que dava pra jogar bem longe, ou montar alguma coisa. Quem nunca teve uns tazos do Máscara, dos Animaniacs ou dos Looney Tunes!?

Pra mim o nome disso é bate bate, não sei se tem outro. Só sei que era fod#. Eu tentava inventar umas coreografias loucas com as bolinhas que nunca davam certo. Eu sempre saia com os dedos roxos. De tão rápido que mexia, as bolinhas saiam do ritmo e batiam nas unhas da gente. Mas quem ligava!? O importante é competir!

Bate-bate

Pra mim o nome disso é bate bate, não sei se tem outro. Só sei que era fod#. Eu tentava inventar umas coreografias loucas com as bolinhas que nunca davam certo. Eu sempre saia com os dedos roxos. De tão rápido que mexia, as bolinhas saiam do ritmo e batiam nas unhas da gente. Mas quem ligava!? O importante é competir!

As famosas Bolinhas de Gude, que pra mim sempre se chamavam Pelicas (ou Quelicas seilá). Sempre tive muitas, mas perdia todas porque não sabia jogar e os jogos valiam as bolinhas. Amava por causa das pelicas mesmo, das cores e tal, sempre achei bonitas.

Bola de gude

As famosas Bolinhas de Gude, que pra mim sempre se chamavam Pelicas (ou Quelicas seilá). Sempre tive muitas, mas perdia todas porque não sabia jogar e os jogos valiam as bolinhas. Amava por causa das pelicas mesmo, das cores e tal, sempre achei bonitas.

Fora isso, tinham muitas outras brincadeiras que nem precisavam de nada. Esconde-esconde, pega-pega, jogo de taco, pé na bola, varinha, mata-mata… enfim, hoje isso tudo não se vê. O máximo que vimos é a garotada jogando futebol, ou andando de zica na rua.

Eu ainda brinco, e me divirto muito com isso. E prefiro sempre estar na rua, na natureza, numa árvore que seja… na simplicidade das coisas boas… Bom final de semana galera!

Anúncios
One Comment leave one →
  1. aluisio permalink
    25 de abril de 2012 14:05

    oi sera que vc poderia me informar onde compro bolinhas de gude agradeço a atenção sem mais muito obrigado

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s